16 de julho - Aniversário de Minas Gerais

"Ser mineiro é dizer "uai", é ser diferente, é ter marca registrada, é ter história. Ser mineiro é ter simplicidade e pureza, humildade e modéstia, coragem e bravura".

Carlos Drummond de Andrade

16 de julho - Aniversário de Minas Gerais

Prêmio Cidade Pró-Catador - 2ª Edição


A segunda edição do Prêmio Cidade Pró-Catador para reconhecer boas práticas de inclusão dos catadores de materiais recicláveis é promovido pela Secretaria-Geral da Presidência da República e pela Fundação Banco do Brasil, em parceria com Ministério do Meio Ambiente e Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR).
O prêmio é dirigido aos municípios e visa incentivar, valorizar e dar visibilidade a práticas que contribuam para a implementação de políticas de inclusão social e econômica de catadores e catadoras de materiais recicláveis, em especial na implantação de coleta seletiva com a participação ativa deste público. Algumas cidades já mantêm políticas que possibilitam a inclusão de pessoas de baixa renda, contribuindo para os esforços do governo federal na superação da pobreza extrema.

Edital 2014
A segunda edição do Prêmio Cidade Pró-Catador tem como público alvo municípios ou consórcios intermunicipais. No caso de consórcios, a inscrição da iniciativa poderá ser realizada por qualquer dos municípios consorciados. 

Inscrições
A inscrição deve ser realizada em uma das quatro categorias do Prêmio:
  • Categoria A Até 20.000 habitantes
  • Categoria B De 20.001 a 100.000 habitantes
  • Categoria C De 100.001 a 300.000 habitantes
  • Categoria D Mais de 300.000 habitantes
A classificação nas categorias é realizada conforme estimativa de população do IBGE para o mês de julho de 2013.
As inscrições ocorrerão no período de 6 de junho a 5 de setembro de 2014, data limite para preenchimento do formulário eletrônico. Não há taxa de inscrição para o prêmio. 

Vencedores
Serão escolhidas três iniciativas por categoria, num total de 12, para avaliação in loco. Após as visitas, serão selecionadas quatro iniciativas vencedoras, uma por categoria, e todas terão o relato de sua experiência publicado. 

Prêmio
As iniciativas vencedoras poderão apresentar proposta de investimento por meio de projeto conjunto da prefeitura e da cooperativa ou associação de catadores participantes da iniciativa no valor de até R$ 120 mil, conforme indicado no Edital.

Mais informações

Fonte acessada em 17/06/2014: http://www.secretariageral.gov.br/procatador/premio

ISPN abre chamada para Curso de Elaboração de Projetos com ênfase em Agroecologia/ 2014

O ISPN, por meio do Projeto CAPTA, lança chamada às organizações de base comunitária e de assessoria técnica situadas no Cerrado, nos estados de Goiás, Mato Grosso (região do médio e alto Araguaia), Minas Gerais e Tocantins, que desejam se instrumentalizar para elaboração de projetos e captação de recursos para ações de Agroecologia. 
 
Os módulos presenciais do curso acontecerão nas seguintes datas:
Módulo 1 – de 12 a 15 de agosto
Módulo 2 – de 16 a 19 de setembro

O curso será ministrado por Fabiana Mongeli Peneireiro, Engenheira Agrônoma (ESALQ/ USP), membro da ONG Mutirão Agroflorestal e com atuação nas áreas de agroecologia, agrofloresta e educação ambiental, por todo o Brasil. Possui ampla experiência em formação (cursos, palestras, oficinas, planejamento, orientação pedagógica), elaboração e avaliação de projetos.


Para participar da seleção, deve-se preencher e enviar as fichas de inscrição da organização e de candidato(a), conforme as orientações previstas no Edital. As inscrições poderão ser enviadas  segundo os prazos: por correio – 04 de julho (data de postagem), e  por e-mail – 07 de julho.

Detalhes do curso e orientações para inscrição – Acesse o Edital
Para se inscrever – Acesse a Ficha de inscrição

Inauguração Ponto Fixo de Comercialização Solidária

Aconteceu dia 20 de maio de 2014 a cerimônia de lançamento do Ponto Fixo de Comercialização Solidária da Feira Arte Mostra Solidária, na cidade de Belo Horizonte.

A solenidade contou com a participação do Deputado Estadual André Quintão, autor de emenda; o representante do Fórum Metropolitano de Economia Solidária e da Moradia e Cidadania, Manuel Alejandro; o Presidente da Associação dos Amigos do Instituto São Rafael, Ivan Gomes Pereira; Maria Lúcia Silva, Gerente de Economia Popular Solidária da Prefeitura de Belo Horizonte, dentre outros.

Com a captação da verba disponibilizada pela emenda parlamentar foram adquiridos diversos equipamentos para a estruturação da loja física. Está previsto a disponibilização dos produtos na internet por meio de uma loja virtual. A estimativa é de que com loja on line seja possível ampliar a visibilidade dos produtos e aumentar o ganho dos grupos.

A Moradia e Cidadania tem realizado desde o ano de 2006 ações de apoio, acompanhamento e fomento a Economia Popular Solidária em Belo Horizonte.

O ponto fixo da Arte Mostra Solidária está localizada no Centro Público de Economia Solidária da Prefeitura de Belo Horizonte.

Faça uma visita: Avenida dos Andradas, 367 – 2º Andar, Edifício Central – Belo Horizonte/MG